quinta-feira, 31 de março de 2011

Princípios de Exortação

MATEUS 18:15-17
Ora, se teu irmão pecar contra ti, vai, e repreende-o entre ti e ele só; se te ouvir, ganhaste a teu irmão;
Mas, se não te ouvir, leva ainda contigo um ou dois, para que pela boca de duas ou três testemunhas toda a palavra seja confirmada.
E, se não as escutar, dize-o à igreja; e, se também não escutar a igreja, considera-o como um gentio e publicano.

Muitos de nós não respeitamos esse processo de exortação, quando somos atingidos pela atitude de algum irmão, a primeira atitude correta a ser tomada seria dirigir-se à ele, mas a fofoca tem reinado no círculo de amizades.
"Me contaram que ficaram sabendo pelo fulano que viu a tia do primo de um vizinho conversando com a cunhada do irmão sobre o pecado de alguém".
Esse discurso é muito comum, mas a bíblia é muito clara... se viu o irmão pecar, deve dirigir-se a ele e exortá-lo. Não tem meio termo. No final da história, talvez a pessoa que pecou o fez sem má intenção, e por não ser exortado é bem capaz que ele volte a pecar até que alguém diga que ele está errado. Viu o irmão pecar, fale DIRETAMENTE com ele. O passo-a-passo está explicado nos versículos acima... é só praticar.
Esse capítulo 18 de Mateus é muito bom. Recomendo sua leitura por inteiro.

Fiquem com Deus

Nenhum comentário:

Postar um comentário